A expansão do e-commerce de moda e as vantagens para o ramo de confecções!

empresa de moda

03 jan A expansão do e-commerce de moda e as vantagens para o ramo de confecções!

O mundo da moda está sempre em constantes evoluções e adaptações. Isso movimenta o PIB e o mercado, fazendo com que se conquiste mais lucro e se possa começar um negócio nesse nicho tão rentável e proveitoso.

Mas e quando a empresa de moda se lança virtualmente, como fica? Será que é positivo? É bom?

Foi justamente o que fizeram os empreendedores (da esquerda para a direita) Raphael Costa Neves, Guilherme Freire e Arthur Blaj.

Os empreendedores da foto – da empresa Livo, entraram de cabeça na jornada empreendedora virtual e acreditaram que o empreendimento teria sucesso, mesmo que iniciassem a partir do meio online.

Ou seja, eles não começaram como geralmente se costuma atuar com a implantação de uma empresa física. Mas acreditaram no e-commerce de moda (com vendas de itens como óculos de sol e graus feitos à mão) e apostaram tudo nesse mercado!

E apesar de terem começado através do meio virtual, o negócio deu tão certo que 2 anos depois lá estavam eles com mais lojas físicas distribuídas pelo Brasil. Ou seja, a demanda se tornou tão densa, que foram praticamente obrigados a montarem pontos de vendas, para darem apoio.

Mas ainda com toda essa desenvoltura positiva e rentável, os empresários afirmam que o e-commerce ainda é a melhor solução para quem deseja empreender com menor custo e com maior celeridade nas vendas.

Eles confessaram em entrevista cedida a Revista Pequena Empresa,  Grandes Negócios que preferiram o e-commerce devido à falta de capital mesmo, pois nenhum dos três, mesmo que reunidos, tinham condições de montar uma estrutura física.

E no final das contas, foi o e-commerce que deu apoio para que pudessem prosperar e crescer no mercado.

Obviamente esse é apenas um case de sucesso associado com empresas e nichos relacionados à moda, mas tantos outros empresários têm obtido excelentes resultados a partir das vendas online.

Pesquisas afirmam que o mercado da moda está em expansão

Os hábitos de consumo mudaram, isso é notável e as empresas têm feito bom uso das redes sociais, sites e outras plataformas para divulgar seus produtos e serviços.

Hoje, empreender se envolvendo com o mundo digital é de fato, a grande sacada!

E as vendas comprovam que o meio digital e o e-commerce têm trazido grandes resultados aos empresários do nicho da moda.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Google Varejo, em 2015 foram gerados 150 bilhões em vendas somente no Brasil nesse setor. O E-bit, outra empresa que análise de consumo online, constatou, também por meio de verificações que a categoria de acessórios e moda são uma das mais fortes e vem liderando vendas desde o ano de 2013.

Os números só aumentam à medida do tempo e as expectativas é que esse mercado seja estimulado ainda mais no ano de 2017 e além.

Mas o que é preciso para empreender com a moda?

Obviamente para empreender nesse mercado, é preciso seguir algumas direções. Alguns pontos precisam ser bem estruturados na hora de abrir um e-commerce de moda.

Pois esse mercado exige várias atuações. Dentre as mais importantes, pode-se destacar:

  • Produtos de qualidade.
  • Abertura da empresa.
  • Investimento em marketing.
  • Boa usabilidade dos recursos.
  • Entrega de valor.
  • Amplo portfólio de produtos.
  • Logística estruturada.
  • Conteúdos relevantes que sirvam de descrição, divulgação e que traga tráfego para a loja virtual.

Portanto, se você deseja abrir uma loja virtual de moda, se você quer trabalhar com o e-commerce e se ainda você sonha em montar uma loja de acessórios ou roupas, fale agora mesmo com um contador especialista nesse nicho!

Nós podemos te ajudar!

Até a próxima!

Nenhum comentário

Postar um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.