Indústria Têxtil – como calcular imposto de importação

Indústria Têxtil

08 fev Indústria Têxtil – como calcular imposto de importação

Empreendedores de qualquer segmento pagam impostos ao governo. Não há como fugir disso, e todo mundo sabe que os impostos que pagamos não são baixos, então, vale a pena entender um pouco dessa área. É por isso que hoje te ensinaremos a calcular impostos de importação, para você conseguir manter seus negócios na indústria têxtil a todo vapor.

É importante, então, entender sobre impostos de importação, para que você possa perceber o quanto um produto custa realmente, e se importar é algo que vale a pena.

Calcular imposto de importação

Quando você compara um produto que seja originário do Brasil, não é necessário pagar nenhuma taxa. No entanto, essa regra não se aplica quando falamos de produtos que vêm de fora.

O imposto pode ser alto, mas se você fizer os cálculos corretos, então sua loja poderá contar com vários benefícios que a importação proporciona. Basta ter interesse e boa vontade para aprender o cálculo.

Tributos

Para calcular imposto de importação você precisa saber quais são os tributos aplicados na compra. Entre eles temos o PIS (Programa de Integração Social), Cofins (Contribuição para Fins Sociais), IPI (Imposto de Produto Industrializado) E II (Imposto de Importação).

Todos esses tributos são cobrados automaticamente mesmo nos produtos do território nacional, com exceção do Imposto de Importação.

Cálculo

O imposto de importação conta com alíquota zero quando se fala em até 35% dos produtos. Mas, ela pode variar e para consultar essa variação você precisa se informar a respeito da Nomenclatura Comum do Mercosul, que identifica os produtos e sua alíquota.

Para calcular o imposto de importação, tudo o que você precisa fazer é aplicar o valor da alíquota sobre o valor aduaneiro do produto. Dessa forma, você calcula o imposto de importação.

Isenção

Para quem não sabe, existem meios de negociar a isenção da taxa desse imposto com outros países que compõem o Mercosul. Existem produtos que são demarcados previamente, e esses são os produtos sobre os quais se cobra taxa pela importação.

Mas, existem produtos que não se enquadram nessa “lista” e podem ser importados somente pelo Mercosul, sem que haja cobrança do imposto de importação.

Ferramentas que podem ajudar

Calcular o imposto de importação sozinho ou à parte pode levar algum tempo. Para otimizar o seu trabalho e também para beneficiar a sua empresa, você pode utilizar ferramentas online que te ajudam a calcular imposto de importação.

Essas ferramentas funcionam, normalmente, como um simulador de custos, que fornecem os valores das alíquotas e de tributos que incidem sobre os produtos, te ajudando a ter uma ideia de quanto você gastará com impostos.

Para que você tenha mais facilidade ao longo do tempo, procure fazer uma planilha dos valores que você já tem. Principalmente se você compra sempre os mesmos produtos, isso fará com que você economize um certo tempo.

Deixar de lado um assunto tão importante como impostos de importação não é uma boa ideia.

Agora que você já sabe como calcular, não sofra mais com esse desafio. Aproveite e entre em contato com a Marques! Nós podemos ajudar o seu negócio de indústria têxtil.

Nenhum comentário

Postar um comentário